24 mar 2022

Crise na suinocultura faz produtores abandonarem a atividade

A crise na suinocultura enfrentada pelo mato-grossense já é considerada a maior da história. Sem previsão de que a situação seja revertida em curto prazo, a situação financeira dos pequenos e médios produtores fica cada vez mais insustentável. Saiba mais:

Crise na suinocultura faz produtores abandonarem a atividade

A crise na suinocultura enfrentada pelo mato-grossense já é considerada a maior da história. Sem previsão de que a situação seja revertida em curto prazo, a situação financeira dos pequenos e médios produtores fica cada vez mais insustentável.

Crise na suinocultura faz produtores abandonarem a atividade

Crise na suinocultura faz produtores abandonarem a atividade

Preço elevado do milho e do farelo de soja que, juntos, correspondem a mais de 80% do volume da ração fornecida aos animais, combinado com o baixo preço pago ao produtor pelo quilo do animal formam os ingredientes perfeitos para a situação caótica na suinocultura e decretam o fim da atividade para produtores de diversas regiões do Estado.

CHR-HANSEN Ipvs 2022

Levantamento da Associação dos Criadores de Suínos de Mato Grosso (Acrismat) aponta que os produtores estão arcando com prejuízos de até R$ 300 por animal vendido.

“A conta não fecha, tem região onde o suinocultor está recebendo em média R$ 4,40 por quilo do animal, sendo que para produzir a mesma quantidade da proteína o produtor precisa desembolsar algo em torno de R$ 6,90. Para um animal de 120 kg, isso resulta em um prejuízo de aproximadamente R$ 300. Se colocarmos essa situação em uma granja que comercializa cinco mil animais por mês, o prejuízo mensal chega a R$ 1,5 milhão. A conta não fecha”, declara o diretor executivo da Acrismat, Custódio Rodrigues.

Granja de suínos em Campo Verde MT (Foto: Marina Beatriz)

Preocupada com a situação, a associação cobra, há algum tempo, medidas emergenciais por parte do Governo do Estado para tentar aliviar as perdas, mas até o momento não foram atendidas. Entre as solicitações estão a inclusão de novas finalidades da atividade no Programa de Desenvolvimento Rural de Mato Grosso (Proder) e a redução da alíquota do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) incidente sobre a carne suína no comércio interno e externo.

 

 

“São situações que podem determinar a continuidade ou não na atividade de dezenas de produtores aqui em Mato Grosso. Uma atividade encerrada por falta de medidas que poderiam ter sido tomadas para evitar esse fim é muito triste. Significa ainda o fechamento de centenas de postos de trabalho, ou seja, menos renda para a população”, pontua Rodrigues.

Na tarde da última terça-feira (22.03), em um grupo de mensagens, ao menos três suinocultores mato-grossenses informaram que deixarão a atividade nas próximas semanas.

É o caso do suinocultor Leonir Taffarel, de Sorriso (distante 396 km de Cuiabá), que está na atividade há 15 anos e possui uma granja de ciclo completo onde existem todas as fases da criação (gestação, maternidade, creche e terminação).

“Quando não conseguimos vender o nosso produto, ele encalha e trava todo o ciclo da nossa produção e com isso a perda acontece desde o início, lá na gestação das matrizes. Infelizmente não terei mais este ‘problema’, estou saindo da atividade e terei que procurar outra coisa para ganhar a vida”, desabafou.

Ele conta que chegou a ter 300 matrizes, mas atualmente tem apenas 60. Pretende reduzir ainda mais, para cinco animais e transformar em uma criação doméstica.

“Outros dois produtores do município de Campo Verde afirmam não ter mais condições de continuar na suinocultura. São meses trabalhando no vermelho e não tem como sustentar uma atividade que não dá retorno há tanto tempo”, finaliza Custódio Rodrigues.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Relacionado com Custos de produção

REVISTA SUÍNO BRASIL

Suscribete ahora a la revista técnica de avicultura

EDIÇÃO Revista SuínoBrasil 2º Trimestre 2022
IPVS 2022 novas perspectivas da suinocultura: biossegurança, produtividade e inovação

IPVS 2022 novas perspectivas da suinocultura: biossegurança, produtividade e inovação

Fernanda Radicchi Campos Lobato de Almeida
Intestino, o maior órgão imune do organismo – Parte 1

Intestino, o maior órgão imune do organismo – Parte 1

Cândida Azevedo Henrique Cancian
Complexos multi-enzimáticos melhoram a digestibilidade e desempenho nos suínos

Complexos multi-enzimáticos melhoram a digestibilidade e desempenho nos suínos

Equipe Adisseo
Diversidade microbiana intestinal de suínos e quadros de disenteria suína

Diversidade microbiana intestinal de suínos e quadros de disenteria suína

Amanda G. S. Daniel Roberto M. C. Guedes
Nutrição sustentável de suínos

Nutrição sustentável de suínos

Carlos Alexandre Granghelli Cristiane Soares da Silva Araújo Lúcio Francelino Araújo Luiz Antônio Vitagliano
Rotavirose suína: epidemiologia, patogenia, sinais clínicos, diagnóstico e controle da doença

Rotavirose suína: epidemiologia, patogenia, sinais clínicos, diagnóstico e controle da doença

João Paulo Zuffo Jônatas Wolf Ricardo Yuiti Nagae
Encontro Regional ABRAVES-PR 2022

Encontro Regional ABRAVES-PR 2022

Avaliação da eficácia de um inativador de micotoxinas frente a um adsorvente em leitões na fase de creche

Avaliação da eficácia de um inativador de micotoxinas frente a um adsorvente em leitões na fase de creche

Equipe técnica de suínos da Vetanco
A evolução da suinocultura brasileira e a  importância da realização do 10º IPVS (International Pig Veterinary Society) em 1988

A evolução da suinocultura brasileira e a importância da realização do 10º IPVS (International Pig Veterinary Society) em 1988

Luciano Roppa
A vida intrauterina pode influenciar o desenvolvimento gastrointestinal dos suínos?

A vida intrauterina pode influenciar o desenvolvimento gastrointestinal dos suínos?

Ana Luísa Neves Alvarenga Dias Fernanda Radicchi Campos Lobato de Almeida Fernanda Radicchi Campos Lobato de Almeida Letícia Pinheiro Moreira Thais Garcia Santos
Fêmeas hiperprolíficas: existe manejo ideal durante a lactação?

Fêmeas hiperprolíficas: existe manejo ideal durante a lactação?

César Augusto Pospissil Garbossa
Desequilíbrio entre a oferta e demanda de carne suína e os impactos na rentabilidade do setor

Desequilíbrio entre a oferta e demanda de carne suína e os impactos na rentabilidade do setor

Wagner Yanaguizawa

JUNTE-SE À NOSSA COMUNIDADE SUÍNA

Acesso aos artigos em PDF
Informe-se com nossas newsletters
Receba a revista gratuitamente na versão digital

DESCUBRA
AgriFM - Los podcast del sector ganadero en español
agriCalendar - El calendario de eventos del mundo agroganaderoagriCalendar
agrinewsCampus - Cursos de formación para el sector de la ganadería